O que é Ortomolecular e como Aplicá-la na Estética

Tempo de leitura: 13 minutos

O profissional em Estética Ortomolecular é uma realidade e vem ganhando espaço cada vez maior, por sua expertise em avaliar as disfunções estéticas, o cliente e dessas prováveis disfunções, sendo capaz de elaborar procedimentos personalizados e de resultados eficazes.

A estética cresceu muito nos últimos anos. Profissionais de outras áreas da saúde tem se capacitado para atuar na estética de uma forma mais científica, embasados em conhecimento.

Com isso a disputa pelo mercado também cresceu.

A evolução da estética é constante.
Com a vinda de outros profissionais da área da saúde, e através do conhecimento destes aplicado na estética, demos um salto enorme tanto em qualidade como em inovação.

O cliente também tem um novo perfil. Hoje esse cliente consegue pesquisar de forma rápida e dinâmica sobre dúvidas que antigamente eram mais difíceis de serem sanadas.

Ele se comunica mais rapidamente e chega em sua clínica como uma “pré auto avalição”, desafiando seus conhecimentos.
Já aconteceu com você de uma cliente chegar e solicitar determinado procedimento porque viu na internet que ele era o melhor para a queixa dela?

Cada vez mais se torna necessário aprimorar o perfil do profissional que atua na estética para se estar à altura das exigências do mercado atual.

A melhor forma de conseguir se manter no mercado é adquirindo conhecimento e técnicas de ponta. Assim a Terapia estética Ortomolecular se torna uma ferramenta poderosa de superar a concorrência pela inovação, pela nova forma de se olhar o cliente e as disfunções, e pela capacidade de solucionar os problemas que geram desconfortos no cliente.

 

Você gostaria de ter uma ferramenta que lhe auxiliasse na entrega de resultados estéticos de forma mais efetiva?
Eu tenho certeza que sim.
Existe grande chance de você estar cometendo erros no momento da avaliação de seu cliente, que impactam no resultado final.

Por isso é extremamente importante você conhecer algumas ferramentas valiosas e saber como utilizá-las corretamente.
Neste artigo você vai aprender os 4 passos para iniciar seus atendimentos dentro do conceito da ortomolecular e, dessa forma elevar o nível de seus resultados.

Para você, que é profissional que já trabalha na área de estética, mas que talvez não conheça de verdade o que vem a ser a  Ortomolecular, pois nunca se aprofundou no assunto, fica comigo e conheça esse maravilhoso mundo.

Continue lendo este artigo e você vai aprender sobre:
1.    O que é ortomolecular
2.    Como ela é aplicada
3.    Como aplicar a ortomolecular na estética
4.    Obtendo o máximo de eficiência com a ortomolecular

Quando iniciei no ramo da estética, estava fascinada em oferecer grandes resultados aos meus clientes.
Fiz centenas de cursos, buscando sempre a excelência.

Percebi, no entanto, que nem todo cliente apresentava a resposta esperado ao procedimento estético, e isso me intrigava.
Tudo na teoria era perfeito, mas na prática……

Foi aí que iniciei minha jornada em busca de respostas aos meus questionamentos.

Em um desses cursos, conheci um profissional que me falou de um processo que olhava para o cliente de dentro para fora, que avaliava suas deficiências, e que quando se conseguia equilibrar essas deficiências os resultados estéticos eram maravilhosos.

Motivada pela curiosidade, fui atrás desse conceito chamado Ortomolecular.
Fiz vários cursos, seminários, congressos, e fui me apaixonando cada vez mais pela área.
Comecei a aplicar esse conceito com meus clientes e as respostas vieram bem rápidas.

Aprendi a olhar para a estética de uma forma única: somos seres individualizados, cada um com um comportamento, com seus hábitos alimentares, sociais, emocionais, e por aí vai.

E tudo isso conta quando vamos elaborar uma conduta estética para essa pessoa.
Minha forma de avaliação sofreu alterações, porque agora eu compreendia melhor o meu cliente, suas necessidades, os pontos fracos que poderiam atrapalhar nos resultados, bem como os pontos fortes que poderia ressaltar e auxiliar nos resultados.
Um novo universo se abril, e me levou a fazer uma pós graduação em nutrição clínica e ortomolecular e expandir ainda mais meus horizontes.

Clientes satisfeitos, indicando novos clientes.
Minha agenda sempre lotada e com clientes em espera.
E é isso que desejo fortemente passar para você, e transformar também sua visão.

1. O que é ortomolecular

Hoje a palavra ORTMOLECULAR virou uma febre e tema para vários artigos, cursos e produtos. E toda essa mídia acaba por confundir os profissionais.
Na verdade ortomolecular NÃO É um produto ou uma marca.

Ortomolecular É UM CONCEITO.

Orto – vem do grego – “orthos” e que exprime a ideia de direito, reto, exato, e molecular – molécula.

Nosso corpo é organizado de forma fantástica.
Os órgãos, tecidos, como a pele, são compostos de partes menores que chamamos de célula.
E cada célula é composta de partes ainda menores, que são as moléculas.

Tudo certo até aqui? Então vamos em frente.

Pela ortomolecular se essas moléculas estiveram funcionando adequadamente, então, todo o organismo também estará.
Ou seja, se a molécula que compõe a célula do seu estômago estiver funcionando bem, aquele almoço de domingo será digerido direitinho, sem problemas, sem azias, sem gases, sem aquela sensação ruim depois que comemos uma macarronada, uma salada e depois a sobremesa.

A digestão se dá normalmente sem sofrimentos, metabolizando tudo o que você comeu e enviando os elementos desse metabolismo para compartimentos certos de seu organismo.

O mesmo se você deseja emagrecer. Para que isso aconteça, o metabolismo de seu organismo precisa estar em pleno funcionamento. Se estiver muito baixo, tudo o que comer será armazenado e, muitas vezes, nem conseguirá chegar onde tem de chegar.

Percebe o quanto é importante as moléculas estarem bem?
Muitos fatores levam ao desequilíbrio desse funcionamento e muitas vezes, dependendo da agressão que sofremos, adoecemos.
Sabemos que poluição, estresse, sol e, excesso entre outros fatores danificam nossas células porque provocam o que chamamos de radicais livres, que causam muitos danos ao organismo.

2. Como ela é aplicada

Pois é, justamente pensando nisso que a ortomolecular estuda de quais maneiras podemos reverter essa situação de forma a nos mantermos saudáveis.
Quem avalia e determina condutas terapêuticas é o terapeuta ortomolecular ou terapeuta funcional em ortomolecular.
Através de sugestões de nutrientes como vitaminas, sais minerais, aminoácidos, ácidos graxos, entre outros auxilia no seu equilíbrio orgânico e molecular, dessa forma melhorando seu metabolismo, com isso você terá mais disposição, conseguirá equilibrar seu peso, seu humor, sua juventude e vitalidade.

Consegui esclarecer essa questão?
Ótimo.
Então vamos sem frente

3. Como aplicar a ortomolecular na estética.

A estética trabalha com pessoas saudáveis, certo?
A Terapia Estética Ortomolecular se baseia também no princípio do todo
Uma das formas de avaliação é a análise do terreno funcional do cliente, mais conhecida como diátese, onde sabemos, cada indivíduo tem uma constituição fisiológica e bioquímica que lhe permite ser enquadrada em um dos dois terrenos funcionais constituintes, ou seja, como o indivíduo “funciona”, como reage aos estímulos externos e internos.

Dessa forma torna possível ao profissional estabelecer procedimentos individualizados, corrigindo através de oligoelementos (menor fração do mineral, porém capaz de estimular uma reação química), e utilizar de elementos que possibilitam o equilíbrio geral e uma resposta mais assertiva a cada procedimento desenvolvido.

Como análise temos o mapa de Menétrièr, iridologia, teste de HLB e outros que nos possibilitam entender o porquê da disfunção, equilibrar esse organismo para que possa responder melhor seja à eletroterapia, aos cosméticos, á massoterapia e outras terapias afins.

Além dos oligoelementos fazemos uso também de vitaminas, aminoácidos encontrados nos suplementos alimentares, bem como podemos sugerir determinadas classes de alimentos que, somados aos procedimentos, fornecerão respostas potencializadas e resultados mais duradouros e seguros.

Temos também vários elementos encontrados em cosméticos, e que somam aos procedimentos desenvolvidos.
Analisamos assim, a cliente como um todo, ou seja, física, mental e emocionalmente.

E mais, seus hábitos alimentares, sociais, onde e como trabalha, nível de estresse….

Dessa forma, o profissional em estética ortomolecular é um profissional completo, que busca além dos protocolos. Ele busca desenvolver procedimentos individualizados e dinâmicos para cada cliente.

Então vamos ao resumo

Como avaliar seu cliente

Através da análise do terreno funcional desse cliente – com essa análise poderá não só equilibrar esse terreno, como definir quais os melhores métodos estéticos (aparelhos, massagem, cosméticos, etc.)
Avaliar o ambiente onde esse cliente vive, seus hábitos – dessa forma poderá estabelecer as metas baseados no reajuste desses hábitos para se chegar ao resultado.

Hábitos alimentares – estabelecer qual a melhor conduta para cada resultado pretendido. Quais os melhores nutrientes que irão favorecer o resultado final.
Hábitos emocionais – dizem muito sobre o comprometimento do cliente com o resultado.
Stress Oxidativo – avaliação correta para se saber qual a melhor conduta antioxidante para aquele cliente.

Esses são os passos básicos a seguir. Você sabe como poderá vender sempre e manter esse público fiel a você? Como criar as estratégias de marketing?Como formatar seu folheto de divulgação? Tem muita informação aguardando você…(incluir link para formulário de inscrição)

Conheço pessoas que pagariam um valor alto por essas informações que você irá receber gratuitamente fazendo o curso, porque o meu desejo é que você alavanque seu negócio!

4. Obtendo o máximo de eficiência com a ortomolecular.

Com as bases da ortomolecular aplicados na estética você estará a frente de sua concorrência, pois oferecerá procedimentos diferenciados, conseguirá avaliar cada caso de forma única, associando elementos essenciais nas condutas, além de obter a confiança e o respeito de sua cliente.

O motivo por eu estar há mais de 16 anos trabalhando com ortomolecular é justamente pelos resultados obtido, em todos os campos: Acne, manchas, envelhecimento, flacidez, redução de medidas e manutenção dessa redução por muito mais tempo, capilar, além da melhora da auto estima, equilíbrio e aumento das respostas metabólicas, diminuição dos radicais livres, entre outros benefícios infindáveis, em uma lista cada vez mais crescente.

Clientes satisfeitas indicam outras clientes, retornam à clínica, se tornam fiéis.
E é isso que irá fazer de você uma profissional com diferencial no mercado.

Com a ortomolecular você conseguirá entregar ao cliente um produto de qualidade, diferenciado, cujo resultado é muito mais duradouro e efetivo.

Com isso receberá indicações de outros clientes, em uma curva sempre ascendente de clientes e resultados.
Se você é sério (a) suficiente para seguir essa jornada, nosso curso de formação em estética Ortomolecular é ideal para você.
No curso de capacitação em Estética Ortomolecular(incluir link para formulário de inscrição) reuni toda minha experiência de 20 anos em estética, dos quais 17 são em Ortomolecular.

RECAPTULANDO:

1. O que é ortomolecular
Ortomolecular é um conceito.
Tem por objetivo equilibrar as células de nosso corpo, para que o organismo trabalhe de forma harmoniosa, e responda de forma adequada aos estímulos que recebe do meio interno e externo.
Que tudo depende desse equilíbrio para obtermos para sermos saudáveis e termos qualidade de vida.
Sabemos que muitos fatores podem desequilibrar o funcionamento celular como: poluição, estresse, sol e, excesso entre outros fatores, que danificam nossas células porque provocam o que chamamos de radicais livres, que causam muitos danos ao organismo. (link para o texto sobre radicais livre).

2. Como ela é aplicada
Através de sugestões de nutrientes como vitaminas, sais minerais, aminoácidos, ácidos graxos, entre outros auxilia no seu equilíbrio orgânico e molecular, dessa forma melhorando seu metabolismo, com isso você terá mais disposição, conseguirá equilibrar seu peso, seu humor, sua juventude e vitalidade.

3. Como aplicar a ortomolecular na estética.
Através de ferramentas de avaliação como: que nos possibilitam entender o porquê da disfunção, equilibrar esse organismo para que possa responder melhor seja à eletroterapia, aos cosméticos, a massoterapia e outras terapias afins.
Através da análise do terreno funcional desse cliente – com essa análise poderá não só equilibrar esse terreno, como definir quais os melhores métodos estéticos (aparelhos, massagem, cosméticos, etc.)
Avaliar o ambiente onde esse cliente vive, seus hábitos – dessa forma poderá estabelecer as metas baseados no reajuste desses hábitos para se chegar ao resultado.
Hábitos alimentares – estabelecer qual a melhor conduta para cada resultado pretendido. Quais os melhores nutrientes que irão favorecer o resultado final.
Hábitos emocionais – dizem muito sobre o comprometimento do cliente com o resultado.
Stress Oxidativo – avaliação correta para se saber qual a melhor conduta antioxidante para aquele cliente.

4. Obtendo o máximo de eficiência com a ortomolecular.
Com as bases da ortomolecular aplicados na estética você estará a frente de sua concorrência, pois oferecerá procedimentos diferenciados, conseguirá avaliar cada caso de forma única, associando elementos essenciais nas condutas, além de obter a confiança e o respeito de sua cliente.
Clientes satisfeitas indicam outras clientes, retornam à clínica, se tornam fiéis.
E é isso que irá fazer de você uma profissional com diferencial no mercado.
Seja expert em Terapia Estética Ortomolecular e ofereça atendimento diferenciado para a sua cliente. Se capacite enquanto há tempo e oportunidade. Invista em você!

Esta é uma ótima oportunidade para você sair na frente da concorrência, agregar valor ao seu serviço e conquistar novos clientes.
Quer ser um profissional de estética diferenciado no mercado? Clique aqui agora e assista essa apresentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *